Publicado por: Blog do Trio | 15/07/2011

1/3 garantido!

CORINTHIANS 1 X 0 INTERNACIONAL/RS

Crédito: Miguel Schincariol/Lancepress

Nação Corinthiana,

Quem segura o Timão neste Campeonato Brasileiro?

Na partida disputada nesta quarta-feira, o Pacaembu presenciou mais uma vitória alvinegra. Aliás, a sexta consecutiva.

Em 9 partidas disputadas, o Corinthians conquistou 8 vitórias e 1 empate, mantendo-se confortavelmente na liderança da tabela.

Mais do que isso, a equipe do Parque São Jorge conquistou um terço dos pontos necessários para ser pentacampeão nacional.

Com uma campanha impecável, que tem deixado a Fiel Torcida em ritmo de festa, é de se supor que o Coringão passou com facilidade pelo Inter, certo? Mas as coisas não foram bem assim.

O jogo começou muito truncado. O Timão tinha maior posse de bola, mas era vítima da marcação colorada.

E, neste caso, a palavra “vítima” cai como uma luva. Isso porque a equipe gaúcha abusou das faltas, especialmente em função da conivência do fraco árbitro Ricardo Marques Ribeiro.

Atuando como titular, Alex orquestrou boas jogadas, mas a dificuldade na criação corinthiana era visível.

Diante deste panorama, a equipe da casa abusou dos chutes de longa distância, enquanto os colorados finalizavam com maior facilidade e levavam perigo à meta de Júlio César. Por pouco – e graças a Fábio Santos – o Inter não abriu o placar aos 30 minutos.

A segunda etapa começou com uma bela cobrança de falta de Alex, mostrando que o Coringão voltara melhor. Mas o Inter também não deu trégua, especialmente com Leandro Damião e Oscar.

E se a saída de Liedson, que deixou o campo mancando, levou preocupação à torcida, a entrada de Emerson Sheik fez com que as jogadas engrenassem. Mesmo com Tite levando uma sova tática de Falcão.

No primeiro lance, em um ótimo contra-ataque, a tabelinha entre Sheik e Willian não deu muito certo. Mas, aos 31 minutos, numa bela jogada iniciada com cruzamento de Fábio Santos, Paulinho tocou para Willian marcar e levar os 35 mil presente no Pacaembu à loucura!

E é embalado por este sentimento que o Coringão vai a São Januário na próxima quarta-feira, às 19h30, para enfrentar o Botafogo e tentar confirmar seu favoritismo pelo título.

E para os amigos colorados, #MaisUmProDVD!

fabiosallum.blogdotrio@gmail.com

http://twitter.com/FabioSallum

http://www.formspring.me/FabioSallum

Anúncios

Responses

  1. Eis o quiz do Timão, feito pelo jornal inglês Guardian:

    http://www.guardian.co.uk/football/quiz/2011/jul/13/football-quiz-corinthians

    1. In what city in Brazil are Corinthians located?
    Rio de Janeiro
    São Paulo
    Brasilia
    Salvador

    2. And in what year were they formed?
    1910
    1920
    1930
    1940

    3. What two colours make up their home jersey?
    Red and blue
    Blue and white
    Red and black
    Black and white

    4. What objects appear on their crest?
    A hammer and sickle
    A guitar and drum
    An anchor and oars
    The sun and Earth

    5. Which one of these Brazilian legends has not played for the club?
    Romário
    Rivelino
    Ronaldo
    Sócrates

    6. How many times has the club won the Copa Libertadores?
    0
    1
    2
    3

    7. Why was 2000 such a special year for Corinthians?
    They won the Brazilian Championship for the first time
    They won the Brazil Cup for the first time
    They won every single game they played in
    They won the inaugural World Club Cup

    8. How many league goals did Carlos Tevez score in his one season at the club?
    20
    25
    30
    35

    9. Neo Química are their current shirt sponsors – what does this company do?
    They make beer
    They make pharmaceuticals
    They make cars
    They make shoes

    10. From which club did Corinthians sign Adriano?
    Roma
    Internazionale
    São Paulo
    Flamengo

    http://www.guardian.co.uk/football/quiz/2011/jul/13/football-quiz-corinthians

    Uma obra de divulgação do Corinthians espetacular, digna de inveja para qualquer clube.

    Os leitores do quiz, ingleses em sua maioria, se puseram a pensar e a se informar sobre a história do Corinthians, seu distintivo, sua história, seu patrocinador.

    Breve análise sobre as 10 perguntas:

    1. São citadas além da cidade do Corinthians, São Paulo (mais importante cidade do Brasil), duas ex-capitais do Brasil e mais a atual.

    2. Sobre o ano de fundação do centenário Sport Club Corinthians Paulista.

    4. Sobre as cores da camisa do Corinthians, o Alvinegro do Parque São Jorge.

    4. Pergunta que vai fundo, a ponto de perguntar que objetos fazem parte do distintivo do Corinthians! A resposta correta é devida a obra do grande pintor Francisco Rebollo, ex-jogador do Corinthians e autor do desenho do atual distintivo do clube, com a âncora e os remos.

    5. Pergunta sobre qual único de quatro citados craques brasileiros não jogou pelo Corinthians. Assim, o leitor fica sabendo que Rivelino, Sócrates e Ronaldo foram todos jogadores do Corinthians, e que Romário é a exceção Vale lembrar que o Baixinho disse que o único grande feito que faltou em sua carreira foi o de vestir a camisa corinthiana).

    6. A pergunta que provocou orgasmos múltiplos nos anticorinthianos, e que na verdade é significativa pelo inusitado fato de um clube da magnitude do Corinthians ainda não haver ganho nenhuma Libertadores.

    7. Pergunta que faz referência à mais importante das conquistas do Corinthians ou de quaisquer outros clubes do mundo: a conquista do 1° Mundial do Clubes, acompanhada do reconhecimento (recalcadamente ignorado pelos anticorinthianos) isento, distante e inglês de que se trata da conquista do… 1° Mundial de Clubes! “Espantoso”, não?

    8 . Enfim uma pergunta sobre Carlitos, no caso, quantos gols o Apache fez com a camisa corinthiana.

    9. Uma pergunta sobre o atual patrocinador master do Corinthians. Patrocinador que deve ter, mais uma vez, considerado uma ninharia a remuneração (a maior do Brasil, quarta do mundo) que paga para estampar o nome na camisa do Timão.

    10. Uma pergunta sobre o clube do qual o Corinthians contratou Adriano, citando os quatro últimos clubes do atacante; dentre os quais, São Paulo e Flamengo, que receberam, assim, um pouquinho da luz dos holofotes focados no Timão.

    Fábio Sallum: Realmente, o “The Guardian” está de parabéns pelo quiz oferecido sobre o Coringão!

    Aproveitaram as notícias sobre Carlitos para fazer uma bonita homenagem!

    Abraços!

  2. Pois é Fábião… confesso q fora de São paulo é o time q eu mais gosto q o Corinthians atropele… antes do jogo o Falcão já chorava.. q ridículo…
    vejo o Corinthians bem compacto, com algumas boas peças de reposição no banco e apesar de não dar espetáculo (excluíndo o jogo contra os bambis), é um time eficiente… inacreditável q com o Tite como técnico e Danilo como meia…kkk
    Mas vamo q vamo, rumo ao penta!!!!!
    abraços
    Vai Corinthians!!!!!!!!!!

    Fábio Sallum: Pois é, Wagnão!

    O Falcão chorou, jogou as mãos ao alto, mas deu Corinthians!

    A frase que define a situação atual do time é “O Corinthians está jogando bem, apesar do Tite!”

    Vamos seguindo na briga pelo penta. Mas não podemos deixar acontecer como no ano passado.

    Abraços!

  3. Temos que esperar pra ver como vai ser a reação do time depois da primeira derrota, que uma hora ou outra irá acontecer.

    Ai sim poderemos dizer se o time tem ou não capacidade de ser pentacampeão.

    Por enquanto é festa. E com motivos: o time está atuando bem e as substituições estão dando conta do recado.

    Pra você Fábio, Emerson Sheik ganha a titularidade ou continua sendo a nossa “arma” pros segundos-tempos?

    Fábio Sallum: Você tocou num ponto importante, Blefe.

    Por enquanto, a euforia toma conta de todos. Os números impressionam.

    Mas como reagirá o Corinthians em uma derrota?

    Eu acredito que a equipe é experiente e não deve se abater. E será neste momento que precisaremos mais de Tite.

    Por enquanto, acho que Emerson Sheik está mandando bem como “a arma do segundo tempo”. Ele entra e dá um gás novo à equipe.

    O problema será quando ele começar a marcar gols e a imprensa começar as comparações com os titulares.

    Abraços!

  4. “Mesmo com Tite levando uma sova tática de Falcão.” na minha opinião um tremendo nada a ver.O cholorado mostrou claramente que veio para marcar forte e se possivel tentar um gol,o Corinthians mandou no jogo do começo ao fim,só que do outro lado tinha um forte equipe com grande jogadores e que também pode brigar pelo titulo.

    Fábio Sallum: Marcelo, entendo que você não concorde comigo.

    Mas, ao meu ver – e de muitos outros corinthianos – o Internacional anulou bem o Timão no primeiro tempo e teve chances mais claras de gol.

    Se o Fábio Santos não tivesse salvado a bola quase em cima da linha, no lance em que Júlio César já havia sido driblado, a história seria bem diferente.

    No segundo tempo, a coisa ficou mais parelha e só melhorou após a entrada do Emerson Sheik.

    O Inter também estará na briga pelo título, mas nosso elenco é melhor.

    Abraços!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: