Publicado por: Blog do Trio | 01/06/2011

Nova Camisa do Palmeiras!

Nação Palestrina,

Como foi amplamente veiculado, na tarde ontem, ocorreu na Academia de Futebol o lançamento das novas camisas do Palmeira para a temporada 2011.

Crédito: Tom Dib / Lancepress

Do ponto de vista estético, creio que a Adidas acertou em manter o verde escuro – cor tradicional das nossas camisas –e em retomar a tradição da camisa branca no uniforme 2.

Acertou novamente em inspirar a coleção na conquista do Título Mundial de 1951. Uma justa homenagem.

Mais bela ainda foi a participação de Oberdan Catani no filme promocional do lançamento. Justíssima homenagem!

Para meu gosto, no uniforme 1 não mudaria o distintivo do clube. Sou daqueles que defendem uma maior estabilidade na camisa principal como mandante e apóio as novidades nos uniformes 2 e 3.

O brasão somente com o P, tal qual era usado na época da histórica conquista, confunde aqueles que pouco conhecem da nossa história.

Tudo ia bem até o tom agressivo e violento que o vídeo toma assim que Oberdan sai de cena.

Até pendurar a camisa no vestiário para que os atletas a vestissem, tudo era poético.

Foi então que, ao aparecer no verso o nome de Kléber, o jogador que veste a camisa sofre uma mutação, ganha força e sai para o jogo como quem vai para uma guerra.

Desnecessária e descabida é a parte que o suposto “Kléber” dá um murro no teto do vestiário, quebrando-o antes de entrar em campo.

Não entendo a mensagem que esses publicitários querem passar.

Não sei porque associar o futebol à força, ao combate, à violência.

E o pior é que há nesse vídeo um enorme contra senso pois na época de Oberdan o futebol era tudo, menos animalesco.

Mais grave ainda é a hipocrisia da imprensa e da própria máquina publicitária que pede uma postura de paz e a todo momento estimula a violência.

Como tudo na vida, nem sempre acertamos em 100% dos nossos atos e assim foi com o vídeo da Adidas.

Quanto à camisa, valeu !

guilherme.mendes@blogdotrio.com.br

http://twitter.com/guirmmendes

Anúncios

Responses

  1. A camisa ficou bonita. Só que deveriam diminuir esse logo da Fiat.

    Acho ele totalmente desproporcional. Acaba tomando mais a atenção do que o próprio escudo do time.

  2. Caro Guilherme, sou corinthiano, mas antes de tudo sou corinthiano, rsrsrs, brincadeira, bom gostei do seu texto, e entendi sua critica quanto a “violencia e guerra” no vídeo, mas é que mesmo que naqueles tempos o futebol fosse mais classico e bonito, não pdemos negar que a Becaida chegava o sarrafo nos atacantes, era literalmente uma guerra, os cartões amarelos não protegiam os atacantes tanto como hoje em dia, como exemplo podemos citar o Pelé na Copa de 62, caçado, então a imagem do Kleber como que partindo para uma batalha, parece ter sim um sentido, e o futebol pode ser sim comparado a uma guerra, mas dentro do campo, só nas 4 linhas, aliás tem muito jogo fraco técnicamente mas com uma tamanha disposição na rivalidade que podem ser tão ou mais interessantes quanto um Barcelona x Manchester e tenho certeza que com o seu proprio time vc já precenciou algum jogo assim.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: