Publicado por: Blog do Trio | 10/05/2011

Campeonatos estaduais – Reta final!

Amigos do Trio,

Além de São Paulo, os campeonatos estaduais também estão pegando fogo no restante do país, todos também na sua reta final.

Vamos a um resumo dos princiapais:

RIO GRANDE DO SUL

Só alegria na metade azul dos pampas.

Depois dos fiascos na Libertadores, Inter e Grêmio começaram a decidir o Campeonato Gaúcho.

E este é um Gre-Nal diferente. Os dois times, curiosamente, são comandados por seus maiores ídolos: Falcão pelo lado Colorado, Renato Gaúcho pelo lado Tricolor.

E no primeiro jogo no Beira-rio o Grêmio levou a melhor. 3×2, após duas falhas grotescas do goleiro Renan.

Não consigo entender até quando o Inter vai manter o Renan no gol. Ele já falhou feio na Libertadores do ano passado contra o São Paulo, aqui no Morumbi. Fica claro que não passa segurança para o time.

O Grêmio agora pode até perder por 1×0 ou 2×1, no Olimpico que é campeão.

Pelo que os times vem apresentando, acho muito difícil, que o Inter consiga reverter. E a frigideira de Falcão já começa a esquentar no Beira-rio. Por esses motivos sou contra grandes ídolos treinarem os clubes pelos quais se consagraram. 2, 3 derrotas, e o cara começa a balançar como outro qualquer.

Grêmio favorito!

Mas tudo bem que, se clássico é clássico, imaginem só o maior clássico do Brasil!

MINAS GERAIS

Assim como no RS, em Minas também temos uma final entre o “roto e o rasgado”.

Se no Sul os dois foram eliminados da Libertadores, em Minas, o Cruzeiro deu vexame na competição continental, enquanto o Atlético fez pior ainda, conseguiu ser eliminado da Copa do Brasil pelo Grêmio Prudente, último colocado no Paulistão.

Mas enfim, o fato é que o Atlético está em melhor fase.

O Cruzeiro ainda lamenta a derrota para o Once Caldas pela Libertadores. Cuca ainda chora!

E nessa, o Atlético, mandante, ganhou o primeiro jogo por 2×1.

No segundo, basta ao Cruzeiro vencer por 1×0.

E Paulo César Oliveira novamente se meteu em polêmica. No final do jogo expulsou Montillo, do Cruzeiro, causando muita reclamação e cho-ro-ro de Cuca (para variar!!)

Um fato curioso é que, como as finais estão sendo disputadas em Sete Lagoas, os clubes acordaram em fazer os jogos com torcida única.

Domingo passado só Atleticanos. Domingo que vem, só Cruzeirenses.

Pela situação das duas equipes, o placar apertado, e o mando do Cruzeiro no último jogo, impossível apontar um favorito.

PERNAMBUCO

Em Pernambuco, parece que finalmente o Santa Cruz vai sair do poço!

Após um jejum de títulos de mais de 5 anos, e amargar a queda da Série A em 2006 para a Série D no dois últimos anos, parece que as coisas começam a mudar para os lados do Tricolor.

Nos jogos da Copa do Brasil contra o São Paulo, o Santa já mostrou que tinha um bom time.

E no estadual nadou de braçadas durante a primeira fase.

E agora nas finais, contra o seu grande adversário Sport, saiu na frente.

Venceu o primeiro jogo, na Ilha do Retiro, por 2×0.

Domingo que vem tem a volta, no “Mundão do Arruda”, que, sem dúvida nenhuma, estará mais que lotado.

Sem dúvida nenhuma, o Tricolor é favorito.

Torço muito para que o Santa saia dessa crise. É time que merece estar na Série-A.

Jogando a Série-D, tem a melhor média de público do país.

BAHIA

Pelos lados da boa terra, um Ba-Vi decide a competição.

Mas infelizmente o “Ba” não é do tradicional “Baêa”, mas, sim, do Bahia de Feira de Santana.

No primeiro jogo, disputado no estádio “Joia da Princesa”, em Feira, empate por 2×2.

Segundo jogo, no Barradão, em Salvador.

Vitória é favorito!

Não pelo futebol que vem apresentando, mas sim por ser time grande e jogar em casa. Além de estar brigando pelo inédito pentacampeonato estadual.

Se Vitória e Bahia não abrirem o olho, terão grandes dificuldades no Brasileiro das Séries A e B.

SANTA CATARINA

Em Santa Catarina, temos uma final inusitada.

O estado tem dois times na Série-A do Brasileiro, Avaí e Figueirense.

E nenhum dos dois chegou à final do estadual.

Foram os interioranos Criciúma e Chapecoense que fizeram a festa.

No primeiro jogo, em Criciúma, vitória dos donos da casa por 1×0.

Agora teremos a volta, em Chapecó.

Pela paridade entre os dois times, impossível apontar um favorito.

GOIÁS

Após as cenas lamentáveis protagonizadas por jogadores e torcedores de Goiás e Vila Nova no último domingo, começaram as finais do Goiano, entre Atlético e Goiás.

No primeiro jogo, empate por 1×1.

Impossível apontar um favorito.

RIO DE JANEIRO – PARANÁ – CEARÁ

Vale lembrar que Rio de Janeiro, Paraná e Ceará já conhecem seus campeões.

No Rio, mesmo não jogando um futebol convincente, o Flamengo venceu a taça Guanabara e a Taça Rio, faturando o título antecipadamente.

Se no Rio o Flamengo não convence, no Paraná o Coritiba encanta a todos.

Com uma campanha só de vitórias, o Coxa conquistou o título de forma antecipada, conquistando os 2 turnos.

E por fim, no Ceará, o “Vozão” mostra que a vitória sobre o Flamengo no Rio, pela Copa do Brasil, não foi acidente.

O time venceu o Guarani de Juazeiro por 5×0, faturando o caneco.

Aurélio Camargo

aurelio.camargo@blogdotrio.com.br

Siga-me no twitter: http://twitter.com/aureliocamargo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: