Publicado por: Blog do Trio | 26/01/2010

Os limites para o Twitter

Nação Palestrina,

A semana que passou trouxe à discussão um tema bastante revelante: quais são os limites para uso do Twitter?

Esse dilema surgiu graças à atitude do Manchester United que simplesmente proibiu seus atletas de manterem perfis no site de mensagens instantâneas.

Aqui no Brasil a abordagem da notícia caminhou pelo desrespeito à liberdade de expressão e pelo autoritarismo do clube inglês.

Sinceramente, não compartilho dessa idéia.

Muito embora em nosso país esteja difundido o hábito de dar notícias institucionais por páginas pessoais, entendo que cada indivíduo deveria se restringir a noticiar fatos e opiniões particulares.

Mano Meneses (o Twitter mais seguido do mundo), Luxemburgo, Belluzzo, Kalil, entre outros, habituaram-se a dar informes de seus clubes em seus espaços na internet.

Dizer quem joga ou não, qual contratação foi fechada ou desfeita, anunciar demissão, etc, tudo isso é de interesse de um clube e não só de uma pessoa.

Imaginem o caos que seria se todo atleta ao ser repreendido viesse à internet para reclamar de seu treinador?

A cultura personalística acentua e normaliza esse tipo de conduta, mas devemos separar o coletivo do particular, o público do privado.

Ainda não tivemos maiores polêmicas graças ao uso desses meios eletrônicos de comunicação em massa, contudo, acredito que sua disciplinação, no âmbito de cada clube, criaria bons hábitos e evitaria desgates de imagem e repercussões negativas.

Copa São Paulo

Fiquei particularmente triste com o resultado da Copa São Paulo de Juniores.

Digo isso, não somente pela derrota frente ao Santos, mas principalmente pelo grosseiro erro de arbitragem que manchou mais essa decisão do futebol brasiliero.

Se aquela saída do goleiro são-paulino não era para expulsão, eu não sei mais o que poderia ser?

Do nosso lado, foi heróico o empate conseguido nos últimos minutos, mostrando que o grupo de garotos do Verdão tem qualidade e personalidade.

Não vencemos, mas, a continuar desse jeito, o título é uma questão de tempo.

Parabéns garatos, vocês honraram a nossa camisa!

guilherme.mendes@blogdotrio.com.br

http://twitter.com/guirmmendes

Anúncios

Responses

  1. É impressionante, vc chora até quando não é o seu time que esta jogando….
    Vc não sabe falar de outra coisa que não juiz??

  2. Vc ficou triste quando o juiz deixou de dar escanteio para o São Paulo e deu um tiro de meta para o Botafogo, que virou o terceiro gol botafoguense e que permitiu ao flamengo encostar na liderança?
    Sem aquele erro, o São Paulo teria sido tetra brasileiro. E botafogo chegaria na ultima rodada praticamente rebaixado e, certamente o Palmeiras teria conseguido a vaga para a Libertadores.
    Então não sejamos cinicos. Vc ficou triste porque o São Paulo ganhou e não por qualquer erro de arbitragem que possa ter havido.

    Caro Jodecir,

    Depois que o Palmeiras saiu, pouco fazia quem ganhasse. Não nego a minha preferência pelo Santos naquela final, mas que o erro decidiu a partida, decidiu.

    Abraços………….

    Guilherme Mendes.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: