Publicado por: Blog do Trio | 21/01/2010

O que foi aquilo?!

Nação Tri-Mundial,

O que foi aquilo que vimos ontem?

Mais parecia jogo de várzea, desafio ao galo, Copa Kaiser, que jogo da primeira divisão do Campeonato Paulista.

Impossível, até, de se fazer qualquer análise do time.

Até porque, o que foi a campo ontem não reflete em nada o time do São Paulo.

Ricardo Gomes aproveitou a decisão de jogar com o time reserva para mandar a campo vários jogadores da base.

Não sei se para efetivamente testá-los, ou calar os críticos que afirmam que os jogadores de Cotia não têm chance no time principal.

O fato é que vimos em campo ontem nomes como o lateral direito David, os meias Wellington, Mazola e Sergio Mota, além do atacante Henrique.

Entretanto, impossível se fazer qualquer análise da atuação dos jogadores.

De fato, não foram bem. Mas há que se considerar que tratava-se de um time que nunca havia jogado junto.

O desentrosamento era visível.

Do jogo em si, tivemos um primeiro tempo de domínio total do Mirassol, abriu o marcador logo no início da partida. Que, aliás, parece ter uma boa equipe, bem armada pelo treinador Pintado, aquele mesmo, campeão do mundo pelo Tricolor.

No segundo, Ricardo Gomes colocou Júnior César no lugar de Wellington, deslocando Richarlyson para a meia.

Não que o time tenha melhorado, mas, ao menos, o time passou a, mesmo que de forma desordenada, chegar ao gol do Mirassol.

Foram “criadas” algumas chances, todas desperdiçadas pelo esforçado, porém inoperante Roger.

Até que aos 45 minutos Richarlysson, em jogada individual marca um belo gol, livrando o time da segunda derrota seguida no Campeonato.

Como eu já disse, aprovo a estratégia de Ricardo Gomes poupar, ao menos no início da temporada, os titulares, colocando-os para jogar apenas uma vez por semana.

Entretanto, ontem ficou claro que com esse time que foi a campo não podemos jogar. Temos que dar uma “esquentada” nesse mistão, com, ao menos, mais uns 2 ou 3 jogadores da equipe titular.

Roger

O jogador, que tinha contrato até o final de maio, teve seu vínculo renovado até dezembro de 2011.

Roger foi contratado em 2005, após de destacar na Ponte Preta,  não tendo, nunca, conseguido mostrar um bom futebol no Tricolor.

Desde então, rodou por diversas equipes, servindo, por vezes, como moeda de troca do São Paulo.

Entretanto, tem chamado a atenção da comissão técnica nos treinamentos, o que lhe valeu a renovação do contrato.

É um bom reserva, que pode ser útil na composição do elenco.

Aurélio Camargo

aurelio@blogdotrio.com.br

Siga-me no Twitter: http://twitter.com/aureliocamargo

Anúncios

Responses

  1. OS FATOS:

    – O Barueri F.C., para espanto geral, anuncia que irá se mudar para Presidente Prudente. A causa: “O Barueri sempre teve a prefeitura como parceira, mas agora ela não nos quer mais na cidade.” (http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2009/12/12/barueri-pode-mudar-para-presidente-prudente-e-mudar-de-nome-diz-jornal.jhtm)

    – O São Paulo aproveita a repentina ociosidade da Arena Barueri a passa a utilizar o estádio municipal para mandar várias partidas oficiais. (http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100121/not_imp499135,0.php)

    CONSEQUÊNCIAS:

    – O São Paulo libera o Morumbi para ser utilizado por grandes shows internacionais (http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100121/not_imp499135,0.php), o que proporciona grandes lucros ao tricolor paulista – ao contrário do que acontece com o futebol, pois o Morumbi é hiperdimensionado para a torcida do São Paulo.
    De fato, a decisão da diretoria corinthiana, tomada há 1 ano, de não mais mandar jogos no Morumbi, tornaria o estádio deficitário, não fossem os shows.
    A Arena Barueri á mais do que suficiente para a grande maioria das partidas do São Paulo.

    – A disponibilidade da Arena Barueri também pode ser útil no caso de que prospere realmente a despropositada candidatura do Morumbi para a Copa-2014, pois permitiria maior concentração nas necessárias obras que tentarão a quase impossível transformação do estádio sãopaulino em uma arena com padrão compatível com o maior evento do futebol mundial.

    – A ida do Barueri F.C. para P. Prudente ajudará a minimizar a ociosidade do Prudentão (ou Farahzão), uma construção “farahônica”, despropositada para os padrões locais (um “estádio sem clube”), utilizado apenas sazonalmente em clássicos ou decisões estaduais.

    PERGUNTA:

    – Seriam esses fatos meras coincidências?

    PERGUNTA 2:

    – Estaríamos diante de (mais) um arranjo de bastidores, dissimulado e, portanto, suspeito?

    Respondo suas questões em 2 tópicos:
    i) o Palmeiras mandou seus jogos na Arena Barueri, em 2008, enquanto reformava o gramado do Parque Antartica.

    A portuguesa está mandando seus jogos lá!
    O Corinthians, qdo da indisponibilidade do Pacaembu, tb mandou jogo lá.
    Aí era normal? Aí não tinha esquema?

    ii) o São Paulo teve a melhor média de público entre os 3 da Capital no último Brasileiro. Sim, levou mais gente ao estádio que o Corinthians.
    Abraços,
    Aurélio Camargo

  2. Absurdas ideia de jogar com esse time reserva….

  3. Nossa esse Roger é tosco……
    Se é pra renovar com ele, que de chance pra molecada……..

  4. É, complicado se quisermos manter esse time para outras partidas….
    Se fosse um time um pouco melhor que o Mirassol, tomavamos uma goleada.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: