Publicado por: Blog do Trio | 15/01/2010

Nota oficial do SPFC.

Nação Tri-Mundial,

Segue, abaixo, nota oficial do São Paulo Futebol Clube sobre as ações judiciais movidas por atletas do clube.

Esclarecimento sobre ações judiciais movidas por atletas do Clube

São Paulo FC – 14/1/2010

O São Paulo Futebol Clube vem a público prestar os seguintes esclarecimentos acerca das notícias veiculadas na imprensa sobre ações judiciais movidas por atletas do Clube.

1 – O São Paulo está absolutamente seguro acerca da legalidade de todos os aspectos da relação de trabalho que mantém com os atletas de futebol das suas categorias de base e da chamada “equipe principal”. O Departamento Jurídico do Clube apoia o Departamento de Futebol na realização de procedimentos e contratos com os atletas que são, sempre, realizados em estrita observância da legislação nacional e procedimentos da FIFA aplicáveis.

2 – O São Paulo entende que as medidas judiciais ajuizadas nas últimas semanas por atletas oriundos de suas categorias de base caracterizam um movimento pontual, provocado por “agente-empresário” serviçal de interesses de grupos estrangeiros, os mesmos grupos que no passado tentaram se infiltrar no futebol brasileiro e, tendo tido essa primeira iniciativa repelida, inclusive pelo Poder Judiciário, voltam à carga, desta feita, com vistas a cooptar jogadores jovens revelados no Brasil para a realização de transferências rentáveis no exterior.

3 – De outra parte, o São Paulo tem consciência da qualidade do trabalho que vem realizando com suas categorias de base nos últimos anos. Um trabalho que, como acima mencionado, teve contribuição fundamental nas importantes conquistas do Clube nos últimos anos. Inaugurado em 2005, o Centro de Formação de Atletas Presidente “Laudo Natel” em Cotia (“CFA”) abriga, atualmente, 102 jovens atletas com idades entre 14 e 19 anos, que ali recebem moradia, alimentação completa, as melhores condições de higiene e limpeza, lazer, cuidados médicos, inclusive odontológicos e educação oferecida por meio de convênios entre o São Paulo e escolas da região, complementada por reforço escolar realizado no próprio CFA.

4 – E os resultados esportivos advindos desse trabalho são inquestionáveis. O São Paulo conquistou, nesta década, dois títulos mundiais da categoria sub-17 em campeonatos realizados na Espanha. Jogadores formados na base são-paulina vêm sendo aproveitados na equipe principal do São Paulo, merecendo destaque atletas como Alex Silva, Breno, Hernanes e Jean, peças importantes na conquista do inédito tricampeonato Brasileiro. Tais jogadores, além de Denílson, Wellington, Henrique e os próprios Oscar, Diogo e Lucas foram formados em Cotia, e, como resultado do trabalho realizado, galgaram a possibilidade de servir às Seleções Brasileiras nas diversas categorias.

5 – Por tudo isso, o São Paulo confia nas instituições do Poder Judiciário, razão pela qual não tem dúvidas de que a licitude das suas relações com os atletas e o caráter oportunista das ações propostas serão reconhecidos na medida em que as medidas judiciais ora ajuizadas vierem a ser julgadas.

6 – Finalmente, é fundamental ressaltar que, até o momento, pelo estágio atual das ações movidas por atletas contra o São Paulo, em todas elas está mantido o vínculo contratual atualmente existente entre tais atletas e o São Paulo.

SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE

Aurélio Camargo

aureliocamargo.blogdotrio@gmail.com

Siga-me no Twitter: http://twitter.com/aureliocamargo

Anúncios

Responses

  1. História pra boi dormir.

    É inegável que houve incompetência na gestão (principalmente jurídica) da base.

    Eu fico me perguntando… como pode um jogador processar um clube tão estruturado e campeão como o SPFC?

    No Corinthians onde, pra imprensa, tudo é uma baderna, isso não ocorreu ainda.

    O que é que o SPFC fez pra deixar essa rapaziada tão descontente?

    Blefe,
    Me faço a mesma pergunta!
    Abs,
    Aurélio Camargo

  2. aurelio, algo q tenho notado e q deveria ser preocupação do spfc é o ódio q tem levantado de todos os lados. E não adianta falar q é por causa dos titulos, blá, blá, blá, q não cola. O santos de pele ganhava de todo mundo e não gerava tosdo esse ódio, era o contrário, é só perguntar aos nossos pais q vemos a admiração q o time do santos tinha de todos. O flamengo dos anos 80 também não era odiado por todos, alias era adorado no nordeste.
    O problema é a arrôgancia da diretoria atual, roubam jogadores de outros clubes, assediam, é só ver o fernandão e o guinazú, menosprezam os rivais, se acham a bolacha mais recheada do pacote, e, pior, agora são acusados pelos próprios jogadores nascidos no morumbi.
    Outro detalhe, o q será q pensam os jogadores, qdo o “lider” do grupo fica do lado da diretoria, fica do lado da “empresa”, criticando os colegas de trabalho, q procuraram seus direitos na justiça? Olha, trabalho em uma grande empresa paulista, no meio da peãozada e embora todos tenham nível técnico, o pensamento é igual de todos, isso é imperdoavel, uma trairagem sem tamanho, esse é o verdadeiro “fura greve”.
    Se o rogerio fosse funcionario de uma empresa, seria espurgado, correria até risco de “desaparecer” entre as máquinas.
    O cara safado, hein.

    Fabio,
    Será que eles tem tanto direito assim?
    Até agora, ninguém conseguiu liminar…. Enfim, aguardemos a palavra da justiça!
    Qto à diretoria/parte da torcida…
    Concordo que, por vezes, sobra uma arrogância…. MAs, faz parte, até do folclore do futebol!
    Abs,
    Aurélio Camargo


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: